novembro 26, 2004

Vulcanismo (aula de pesquisa...)

(Aula de pesquisa na Internet)

Meninos: Na aula de hoje, depois de ralizada a tarefa proposta na webquest, devem ter comprendido melhor a relação entre as caraterísticas do magma e o tipo de erupção vulcânica. De qualquer modo, apresento a seguir uma pequena síntese das principais conclusões da nossa aula.

Podemos dizer que um vulcão está em actividade quando são emitidos materiais no estado de fusão ígnea, a lava, pela libertação de gases e muitas vezes pela expulsão de materiais sólidos de dimensões variáveis. Ocorrem outras erupções em que a lava é pulverizada devido a grandes explosões, sendo então expulsa sob a forma de pequenos fragmentos incandescentes.
Quando se dá um aumento de pressão na câmara magmática, o magma é obrigado a subir através das fendas existentes na crosta. Na maior parte dos casos, nos vulcões activos, forma-se uma chaminé central, cilíndrica, mas por vezes há outras emissões feitas através de aberturas nos flancos do cone vulcânico. A lava resulta do magma e entra então em contacto directo com o ar ou com a água, consoante sejam erupções subaéreas ou subaquáticas.


Quando uma subida de magma muito viscoso, originário de magmas ácidos, ricos em sílica, é acompanhada de uma explosão brutal dos gases, dá-se a erupção explosiva. É acompanhada por grandes explosões com a emissão de piroclastos e formação de nuvens de cinzas (poeiras e gases incandescentes). O magma despedaça-se. As lavas, como são muito viscosas, não formam escoadas e solidificam na cratera, formando as agulhas e os domos ou cúpulas. As primeiras são acumulações de lava com formas alongadas e pontiagudas que consolidaram no interior da chaminé e as segundas são acumulações de lava consolidada na cratera, com formas arredondadas. Os domos lávicos ou agulhas de lava chegam a atingir muitos metros de altura (300 m de altura na montanha Pelada, em 1902).



Os magmas básicos, menos ricos de sílica, como os magmas basálticos, são os mais fluidos. Os gases dissolvidos que eles contêm escapam-se facilmente e o magma derrama-se, acontecendo a erupção efusiva, em correntes com alguma velocidade e podendo percorrer centenas de quilómetros, pois a lava está a altas temperaturas, está bastante fluida. Se for emitida lentamente, forma escoadas. Pode também formar correntes de lava ou mantos de lava se, o terreno for, respectivamente inclinado ou plano.



A erupção mista dá-se quando, durante a erupção, ocorrem períodos explosivos e efusivos, isto é com explosões violentas e libertação de piroclastos e gases e com alguma calma e formação de escoadas.


As erupções vulcânicas são, em regra, precedidas por abalos de terra, os quais resultam provavelmente da fracturação do tecto da câmara magmática em consequência dos movimentos ascensionais do magma.


Relacionado com as erupções, notam-se frequentemente variações locais no campo magnético terrestre e fenómenos meteorológicos especiais, tais como um aumento de pluviosidade (por condensação do vapor de água em torno dos grãos de poeira) e formação de nuvens carregadas de electricidade.


Com o tempo as erupções cessam. Se cessarem definitivamente, os cientistas consideram os vulcões extintos. Mas alguns vulcões estão apenas adormecidos, podendo permanecer inactivos durante centenas de anos, e entrar em erupção com súbita violência.



Em conclusão...

As erupções vulcânicas variam de acordo com o tipo de magma, sua temperatura e composição química.
Com base nestas características, podemos afirmar que existem pelo menos dois tipos de erupções:


- explosivas, nas quais as lavas são muito viscosas, com origem em magmas ácidos (ricos em sílica).Como são muito viscosas, estas lavas não formam escoadas e solidificam na cratera, formando as agulhas (acumulações de lava com formas alongadas e pontiagudas que consolidaram no interior da chaminé) e os domos ou cúpulas (acumulações de lava consolidaram na cratera, com formas arredondadas) são erupções muito violentas, devido à acumulação de gases, acompanhadas por grandes explosões, com a emissão de piroclastos e formação de nuvens de cinzas (poeiras e gases incandescentes).


- efusivas, nas quais as lavas são fluídas, sendo a sua emissão lenta, com a formação de escoadas. Estas podem percorrer centenas de quilómetros com uma velocidade reduzida. Os magmas que originam estas lavas são básicos (pobres em sílica).


8 comentários:

jone moterwe pinkgree disse...

best famous . pessimoius
portugal

Anónimo disse...

hááá ganda prof... eu sou de gaia i u seu blog ajudou me no meu trabalho sobre vulcoes

abraços [[]]

Anónimo disse...

Tá uma bela coisa sim senhor tem jeito para isto!!!!!!!!!!!!!

Anónimo disse...

boas profsoes sou de mogadouro e o seu trabalho ajudou-me no meu trabalho de geologia! obrigado

Anónimo disse...

OBRIGADO AJUDOU-ME NP TRABALHO

Anónimo disse...

amei gostei demais me ajudou muito no meu trabalho!!!!!!!!!!!!!!!

Jessica disse...

Muito obg ajudou muito no na minha maquéte sobre vulcão *-*

Anónimo disse...

They took over 5 forex brokers and are expanding operations all over EuropeMost wealthy brokerages Fxsystems investment group. http://fxsystems.com